Bíblia Online

Buscar

Escolher livro

Usando recursos avançados

Para fazer buscas mais específicas na Bíblia, basta usar esses recursos especiais:

Referências

Digite as referências na forma usual, com os nomes dos livros seguidos pelos trechos desejados. Você pode escrever mais de uma referência, separando-as por ponto e vírgula:

Mt 1.18-25; Lc 1.26-35; 2.4,6-7

Encontrar todas as palavras

Digite as palavras desejadas separadas por espaço.

Davi Saul (encontra todos os versículos em que ambos Davi e Saul são mencionados)

Todas as palavras estarão nos resultados, não importando a ordem em que aparecem no texto.

Encontrar o texto exato

Digite o texto desejado entre aspas.

"Saul disse a Davi" (encontra os versículos com esse texto exato)

Com quaisquer das palavras

Use o símbolo ~ (til) antes das palavras opcionais.

~Jesus ~Cristo (encontra versículos com a palavra Jesus, ou a palavra Cristo, ou ambas)

Útil para encontrar textos com palavras relacionadas ou sinônimos.

Sem as palavras

Use o símbolo - (menos) antes das palavras que não devem ocorrer.

Jesus -Cristo (encontra versículos com a palavra Jesus, mas sem a palavra Cristo)

Útil para restringir sua busca.

Palavras começando com...

Use o símbolo * (asterisco) para especificar apenas a parte inicial de uma palavra, permitindo variações para seu final.

misericord* (encontra versículos contendo misericórdia, misericordioso, misericordiosa, misericordiosos etc.)

Almeida Corrigida e Revisada Fiel

Eclesiastes 9

1  DEVERAS todas estas coisas considerei no meu coração, para declarar tudo isto: que os justos, e os sábios, e as suas obras, estão nas mãos de Deus, e também o homem não conhece nem o amor nem o ódio; tudo passa perante ele.

2  Tudo sucede igualmente a todos; o mesmo sucede ao justo e ao ímpio, ao bom e ao puro, como ao impuro; assim ao que sacrifica como ao que não sacrifica; assim ao bom como ao pecador; ao que jura como ao que teme o juramento.

3  Este é o mal que há entre tudo quanto se faz debaixo do sol; a todos sucede o mesmo; e que também o coração dos filhos dos homens está cheio de maldade, e que há desvarios no seu coração enquanto vivem, e depois se vão aos mortos.

4  Ora, para aquele que está entre os vivos há esperança (porque melhor é o cão vivo do que o leão morto).

5  Porque os vivos sabem que hão de morrer, mas os mortos não sabem coisa nenhuma, nem tampouco terão eles recompensa, mas a sua memória fica entregue ao esquecimento.

6  Também o seu amor, o seu ódio, e a sua inveja já pereceram, e já não têm parte alguma para sempre, em coisa alguma do que se faz debaixo do sol.

7  Vai, pois, come com alegria o teu pão e bebe com coração contente o teu vinho, pois já Deus se agrada das tuas obras.

8  Em todo o tempo sejam alvas as tuas roupas, e nunca falte o óleo sobre a tua cabeça.

9  Goza a vida com a mulher que amas, todos os dias da tua vida vã, os quais Deus te deu debaixo do sol, todos os dias da tua vaidade; porque esta é a tua porção nesta vida, e no teu trabalho, que tu fizeste debaixo do sol.

10  Tudo quanto te vier à mão para fazer, faze-o conforme as tuas forças, porque na sepultura, para onde tu vais, não há obra nem projeto, nem conhecimento, nem sabedoria alguma.

11  Voltei-me, e vi debaixo do sol que não é dos ligeiros a carreira, nem dos fortes a batalha, nem tampouco dos sábios o pão, nem tampouco dos prudentes as riquezas, nem tampouco dos entendidos o favor, mas que o tempo e a oportunidade ocorrem a todos.

12  Que também o homem não sabe o seu tempo; assim como os peixes que se pescam com a rede maligna, e como os passarinhos que se prendem com o laço, assim se enlaçam também os filhos dos homens no mau tempo, quando cai de repente sobre eles.

13  Também vi esta sabedoria debaixo do sol, que para mim foi grande:

14  Houve uma pequena cidade em que havia poucos homens, e veio contra ela um grande rei, e a cercou e levantou contra ela grandes baluartes;

15  E encontrou-se nela um sábio pobre, que livrou aquela cidade pela sua sabedoria, e ninguém se lembrava daquele pobre homem.

16  Então disse eu: Melhor é a sabedoria do que a força, ainda que a sabedoria do pobre foi desprezada, e as suas palavras não foram ouvidas.

17  As palavras dos sábios devem em silêncio ser ouvidas, mais do que o clamor do que domina entre os tolos.

18  Melhor é a sabedoria do que as armas de guerra, porém um só pecador destrói muitos bens.

Texto da versão Almeida Corrigida e Revisada Fiel de propriedade da Sociedade Bíblica Trinitariana do Brasil.

 

Contribua com este ministério

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Saiba como contribuir
Fale ConoscoQuem SomosTermos de usoPrivacidade e Segurança