O que ajuda contra o medo?

Compartilhe: 

“Neste mundo vocês terão aflições...” Foi o que Jesus disse em João 16.33. Impossível descrever de maneira mais clara o sentimento subconsciente que domina alguns de nós. A crise do coronavírus está mudando radicalmente nossas vidas e nossa sociedade. A cada hora, a mídia traz novas notícias preocupantes. Sim, ficamos com medo. Como será o futuro?

Jesus disse essas palavras numa conversa com seus amigos, pouco antes de morrer na cruz. Ele lhes explicou: “Vocês passarão por dificuldades neste mundo... vocês serão pressionados”. E ele estava certo. Tiago, um deles, foi executado algumas semanas depois. Pedro, outro deles, foi jogado na prisão. Os seguidores de Jesus foram perseguidos. Mas não só isso. Jesus também previu para o futuro: “Vocês ouvirão falar de guerras e rumores de guerras... É necessário que tais coisas aconteçam... Haverá fomes e terremotos em vários lugares. Tudo isso será o início das dores” (Mateus 24; Lucas 21).

Quando lemos essas palavras de Jesus, podemos ficar com medo. Mas ele não quer isso, pois também disse: “Contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo” (João 16.33). “Não se perturbe o seu coração, nem tenham medo” (João 14.27)!

Ter medo e ao mesmo tempo ter bom ânimo, como pode ser isso? Bem, podemos aprender algo importante com as crianças pequenas: quando uma criança está ansiosa, busca a proximidade da mãe ou do pai. A criança procura uma mão para segurar; uma perna em que possa se agarrar; braços que a levantem. A criança continua olhando ansiosamente ao seu redor, mas o coração vai se acalmando. Não é diferente com Deus. Ele conhece exatamente a nossa estrutura e o que precisamos. Ele também sabe do que temos medo. Ele diz a você: “Venha para os meus braços. Venha com seu medo, com seu anseio de abrigo, com suas dores, com sua culpa ou o que quer que seja. Venha para meus braços. Você deve saber que te amo”. E quando você vem, é exatamente essa confiança, essa fé, que Deus deseja.

Lidar com medos

Será que aqueles que creem não têm mais medo? Não. É claro que os temores e as preocupações não param diante dos cristãos. Mas os seguidores de Jesus têm uma estratégia para lidar com seu medo porque creem naquele que triunfou: “O que é nascido de Deus vence o mundo; e esta é a vitória que vence o mundo: a nossa fé” (1João 5.4).

Jesus derrotou o mundo. Os que creem nele também o vencem. Então os medos e as preocupações não determinam mais os pensamentos, os sentimentos e as ações. A certeza de que Deus tem tudo sob controle acalma. O medo deixa de ser o que nos move. A relação com Deus é muito mais importante. Um conhecido homem de Deus tinha uma definição interessante para a oração. Ele disse: “Orar significa afastar-se do medo do mundo e ir até o Pai”. Esta é uma bela imagem: fugir do medo para o Pai celestial. Nosso olhar determina a direção que seguimos. Portanto, olhe para Deus, o Pai. Corra até ele e confie-lhe suas preocupações e seus medos, especialmente no que diz respeito ao coronavírus.

Lendo Moisés, Vendo Jesus

“Assim conhecemos o amor que Deus tem por nós... No amor não há medo; ao contrário o perfeito amor expulsa o medo...” (1João 4.16,18).

Publicado com permissão do ministério Werner Heukelbach (disponível em: https://heukelbach.org/was-hilft-gegen-die-angst/b).

Compartilhe: 
Fale ConoscoQuem SomosTermos de usoPrivacidade e Segurança