Espera: quando o desejo demora...

Daniel Lima

Compartilhe:  Compartilhar no WhatsApp Compartilhar no Facebook

Uma criança que espera um passeio considera insuportável aguardar alguns dias. O jovem apaixonado avalia como uma verdadeira provação esperar o dia do casamento. Um adulto doente considera um martírio o tempo necessário para sua cura. Realmente, o termo “demora” é relativo, mas unanimemente desagradável.

Essa é uma sensação extremamente comum ao ser humano. Um exemplo conhecido de todos foi as nossas expectativas de que a pandemia estaria debelada no máximo até o início deste ano. No entanto, estamos enfrentando seu pior período. Sonhos foram adiados; projetos, colocados em “banho-maria”; datas, transferidas. Pelo menos um amigo casou-se sem festa e prometeu uma comemoração após a pandemia (alguém arrisca dizer quando?).

Talvez a reação humana mais comum ao esperar é perguntar-se se há algo que podemos fazer para que a esperança se cumpra. Pessoas trabalham de forma obsessiva com base nisso. Alguns jovens baixam seus padrões para o companheiro de vida a fim de encontrar logo alguém. Em outros casos, pessoas distorcem princípios para que o desejo seja logo alcançado.

A Bíblia nos descreve inúmera reações tolas de pessoas que tentaram “apressar” o recebimento de uma promessa.

A Bíblia nos descreve inúmera reações tolas de pessoas que tentaram “apressar” o recebimento de uma promessa. Sara buscou resolver o aparente atraso de Deus oferecendo sua serva Agar para que pudessem ter um filho (Gênesis 16). O resultado é conhecido até os dias de hoje nos conflitos árabe-israelenses. Lemos em 1Samuel 13 que Saul, ao perceber que Samuel havia se atrasado, realizou os sacrifícios que não poderia fazer. O resultado é que seu reinado lhe foi tirado.

Pessoas ficam com o coração doente ao esperar e não receber. Lemos em Provérbios 13.12: “A esperança que se retarda deixa o coração doente, mas o anseio satisfeito é árvore de vida”. Este verso descreve a realidade que conhecemos tão bem. Muito de nossa vida é movido pela esperança. Uma vida sem esperança, sem expectativa, deixa de ser vida e torna-se sobrevivência. Espero que você não esteja passando por um período assim, mas a realidade é que todos que se dispõe a seguir ao Senhor enfrentarão períodos de espera. No mínimo esperamos o retorno de nosso Senhor para que todas as suas promessas sejam cumpridas.

Assinante Plus

Como, então, podemos encarar nosso tempo de espera? Como manter a esperança quando o que nós achamos que é tempo suficiente se esgota? Deixe-me compartilhar algumas instruções diretas ou indiretas da própria Bíblia:

  1. Nosso tempo não é o tempo de Deus. “Não se esqueçam disto, amados: para o Senhor um dia é como mil anos, e mil anos como um dia. O Senhor não demora em cumprir a sua promessa, como julgam alguns” (2Pedro 3.8-9a). Assim como a criança sofre por desejar coisas de um modo imediato, nós também podemos sofrer muito se acharmos que nosso tempo é como o tempo de Deus.

  2. Seguir a Jesus não é uma promessa de conforto e prazeres. Pelo contrário, Jesus falou com toda a clareza: “As raposas têm suas tocas e as aves do céu têm seus ninhos, mas o Filho do homem não tem onde repousar a cabeça” (Mateus 8.20). E também: “Eu disse essas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições; contudo, tenham ânimo! Eu venci o mundo” (João 16.33). A realidade é que seguir a Jesus incluirá períodos de provação, de lutas e de aflições. Esperança demorada é apenas uma delas.

  3. Assuma o compromisso de continuar a seguir a Deus, quer Seus planos atendam aos seus desejos, quer Seus planos sejam diferentes.

    Assuma o compromisso de continuar a seguir a Deus, quer Seus planos atendam aos seus desejos, quer Seus planos sejam diferentes. O exemplo dos três jovens judeus levados ao exílio na Babilônia e forçados a adorar uma estátua é muito ilustrativo deste ponto. Ao se recusarem a adorar a estátua, eles ouviram que seriam lançados na fornalha. A resposta deles demonstra um compromisso de seguir a Deus mesmo que os planos deles fossem frustrados: “Se formos atirados na fornalha em chamas, o Deus a quem prestamos culto pode livrar-nos, e ele nos livrará das suas mãos, ó rei. Mas, se ele não nos livrar, saiba, ó rei, que não prestaremos culto aos teus deuses nem adoraremos a imagem de ouro que mandaste erguer” (Daniel 3.17-18).

  4. Por fim, reconheça e se agarre à verdade de que os planos de Deus são muito mais altos que os nossos. “‘Pois os meus pensamentos não são os pensamentos de vocês, nem os seus caminhos são os meus caminhos’, declara o Senhor. ‘Assim como os céus são mais altos do que a terra, também os meus caminhos são mais altos do que os seus caminhos; e os meus pensamentos, mais altos do que os seus pensamentos’” (Isaías 55.8-9).

Minha oração é que estes tempos de espera não adoeçam de tal forma o seu coração que você venha a tomar decisões tolas. Esperemos no Senhor, confiando que ele é bom! 

Compartilhe:   Compartilhar no WhatsApp Compartilhar no Facebook

Daniel Lima foi pastor de igreja local por mais de 25 anos. Formado em psicologia, mestre em educação cristã e doutor em formação de líderes no Fuller Theological Seminary, EUA. Daniel foi diretor acadêmico do Seminário Bíblico Palavra da Vida por 5 anos, é autor, preletor e tem exercido um ministério na formação e mentoreamento de pastores. Casado com Ana Paula há mais de 30 anos, tem 4 filhos, uma neta e vive no Rio Grande do Sul desde 1995.

Veja artigos do autor

Itens relacionados na livraria

Leia também

O Temor a Deus Como Fonte de Vida
O Temor a Deus Como Fonte de Vida
Rolf Höneisen
Como andar no escuro?
Como andar no escuro?
Daniel Lima
Ansiedade, Depressão e a Bíblia
Ansiedade, Depressão e a Bíblia
Daniel Lima
O normal é crescer!
O normal é crescer!
Daniel Lima
A insanidade dos nossos hábitos
A insanidade dos nossos hábitos
Daniel Lima
A Alegria da Fraqueza
A Alegria da Fraqueza
Daniel Lima
Compartilhe:   Compartilhar no WhatsApp Compartilhar no Facebook

Destaques

O Reino Vindouro

R$59,90

Como foi nos dias de Noé

R$31,90

1 e 2Tessalonicenses

R$34,90

Provérbios

R$32,90

Receba o informativo da Chamada

Artigos Recentes