Todo Dia Com as Escrituras

2 Samuel 21:1-11 (leia aqui)

Vemos um confronto, no final do capítulo 19, entre Judá e as tribos de Israel. Seba, um novo inimigo, se aproveita disso e incita o povo à revolta (cap. 20). É assim que Satanás toma vantagem na maioria de nossas disputas e se alegra nas divergências que surgem entre os filhos de Deus.

Com a morte de Seba, a ordem foi restaurada. A estrutura do reino (8:15-18) é restabelecida (20:23-26), com a diferença de que os filhos de Davi não eram mais os oficiais principais. Após o caso de Absalão, entendemos muito bem por quê.

Nossa leitura de hoje mais uma vez começa com uma triste história. Saul tinha violado o pacto feito anteriormente entre Israel e os gibeonitas (Josué 9:15). Depois de muito tempo, o crime dele vem à luz e exige-se uma expiação, de acordo com Números 35:19. Não se engane, o tempo não apaga a culpa dos pecados que cometemos; Deus sempre os tem diante dos olhos. Mas, para o crente, o sangue de Cristo cobre inteiramente todos os nossos pecados. Pendurado no madeiro (Atos 5:30; 10:39), suportando a maldição, Jesus expiou nossos pecados, o Justo pelos injustos (1 Pedro 3:18). A Ele nossa gratidão e nossa adoração agora e para todo o sempre!

Assinatura Digital

 

Contribua com este ministério

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Faça uma doação para o Ministério Chamada
Compartilhe: 
Fale ConoscoQuem SomosTermos de usoPrivacidade e Segurança