Todo Dia Com as Escrituras

Números 7:89 e 8:1-14 (leia aqui)

O versículo 89 nos conta o segredo de “Moisés, o homem de Deus” (Salmo 90). Era a oração. Contemple-o sob o peso de suas esmagadoras responsabilidades, acossado pelas murmurações do povo, entrando na escuridão e silêncio do santuário para conversar com Deus. Ele ouvia “a voz que lhe falava de cima do propiciatório”. E pense no Senhor Jesus que, quando adentrava a noite e a manhã estava longe de chegar, após a exaustão do dia anterior, ia sozinho para um local solitário a fim de orar (Marcos 1:35; 6:46).

Por que existe uma referência ao candelabro no começo do capítulo 8, entre as ofertas práticas do capítulo 7 e a consagração dos levitas nos versículos seguintes? Não é para demonstrar que a luz prova e aprecia tanto as ofertas quanto o ofertante, não apenas o serviço mas também a pessoa que o executa? Deus sabe o valor de nossa devoção, sobre a qual esse rito de consagração fala. E notamos que os levitas eram apresentados a Arão como uma oferta movida, como se para permitir que a divina luz brilhe sobre cada um sucessivamente, de modo que ninguém fosse deixado na escuridão. Se houvesse a menor mancha nas vestes deles, ela seria imediatamente percebida. Quão importante é sempre estar diante de Deus para servi-Lo (1 Reis 17:1).

Curso online

 

Contribua com este ministério

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Faça uma doação para o Ministério Chamada
Compartilhe: 
Fale ConoscoQuem SomosTermos de usoPrivacidade e Segurança