Todo Dia Com as Escrituras

Levítico 23:23-44 (leia aqui)

Historicamente, aqui nos encontramos no período que se segue ao Pentecostes. Israel é posto de lado; é o tempo da Igreja, durante o qual o Senhor Jesus está reunindo em um corpo os filhos de Deus espalhados pelas diversas nações (João 11:52). No entanto, está chegando o dia em que todo o Israel, por sua vez, será reunido. Após o arrebatamento da Igreja, “o sonido de trombetas” (ver Números 29:1) irá ajuntar a nação, e reuni-la em sua própria terra, preparando-a para a grande auto-aflição da sexta festa: o “Dia da Expiação”, que corresponde às cerimônias do capítulo 16. Em enorme angústia, Israel aguardará a aparição dAquele que agora está no Santuário, com os Seus, para os salvar (Hebreus 9:28). E, consequentemente, chegamos à festa dos Tabernáculos descrita em detalhes em nosso texto bíblico de hoje. Ela prefigura o reino de justiça e paz na terra que é chamado de Milênio. Contemos o número de vezes que a expressão “nenhuma obra servil fareis” é repetida neste capítulo. Em todo o maravilhoso plano da graça que se estende da cruz à glória, Deus tem reservado a Si mesmo o privilegio de fazer a obra. O homem e seus esforços não têm proveito algum. Essa é uma obra divina, onde há “glória e majestade” (Salmo 111:3).

Apocalipse

 

Contribua com este ministério

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Saiba como contribuir
Fale ConoscoQuem SomosTermos de usoPrivacidade e Segurança