Todo Dia Com Jesus

Atos 7:20-43

Estêvão havia sido acusado de proferir blasfêmias contra Moisés (6:11). Mas notem, ao contrário, com que reverência ele fala deste patriarca! A beleza que Deus via no menino Moisés desde o seu nascimento (v. 20), depois, seu poder em palavras e obras (v. 22), seu amor por seus irmãos que o moveu a visitá-los (v. 23), a incompreensão que encontrou quando quis libertá-los (vv. 25, 35), são todas características que deviam servir para voltar a atenção do povo ao precioso Salvador a quem eles tinham rejeitado. Além disso, o mesmo Moisés havia anunciado a vinda de Cristo e exortado o povo a escutá-LO (v. 37). O apóstolo Pedro já havia citado esse versículo de Deuteronômio 18:15 em seu discurso de Atos 3:22. Um duplo testemunho do cumprimento das Escrituras! Porém, desde o começo de sua história, esse povo mostrou-se desobediente e idólatra e, apesar das grandes evidências de amor e de paciência da parte de Deus, o caráter empedernido do povo não mudou. Isso também acontece com nosso pobre coração. Até onde podemos recordar, até mesmo na nossa mais tenra infância, encontraremos desobediência e cobiça. Somente o poder de Deus tem sido capaz de dar-nos uma nova natureza.

Compartilhe: 
Islamismo em Foco

 

Contribua com este ministério

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Saiba como contribuir
Fale ConoscoQuem SomosTermos de usoPrivacidade e Segurança