Todo Dia Com Jesus

Mateus 23:23-39

Com essas veementes palavras, o Senhor condena solenemente aqueles que podemos designar como o "clero" de Israel. Esses guias cegos eram duplamente culpados, pois não entravam no reino dos céus e também abusavam da sua autoridade para impedir que outros entrassem (v. 13). Escrupulosos em extremo por pequenas coisas, negligenciavam as mais importantes: a justiça, a misericórdia e a fé (v. 23). Além disso, a sua máscara hipócrita enganava as pessoas simples que neles depositam sua confiança. Muito indignado, o Senhor Jesus revela-lhes a sua verdadeira face: são sepulcros caiados (mortos interiormente), são "serpentes", assassinos e filhos de assassinos.

Antes de sair do templo, esta casa onde Deus já não mais tinha Seu lugar (deixando-a assim deserta - sem a presença divina), Jesus expressa em termos muito tocantes o juízo que iria recair sobre Jerusalém. Creio que podemos compreender um pouco o que foi para Seu coração divinamente sensível o desprezo à graça que Ele oferecia. "Mas estes não quiseram!" (cap. 22:3; Oséias 11:7). Catastróficas palavras! Quem dentre os que as ouvirão um dia poderá reclamar de Deus a culpa por sua aflição eterna? A salvação em Cristo foi e ainda está sendo oferecida. Mas muitos não querem aceitá-la.

Compartilhe: 
Guia Para Cristãos Desanimados

 

Contribua com este ministério

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Saiba como contribuir
Fale ConoscoQuem SomosTermos de usoPrivacidade e Segurança