Todo Dia Com Jesus

Mateus 8:1-17

Aos ensinos do Senhor segue-se agora o Seu serviço de amor e de justiça. Assistimos primeiramente a três curas. O leproso, no v. 2, conhece o poder de Jesus, porém duvida de Seu amor e diz: "Senhor, se quiseres, podes...". Jesus quer e o cura.

O centurião de Cafarnaum aproxima-se consciente da autoridade soberana do Senhor, mas, por outro lado, de sua própria indignidade. "Apenas manda com uma palavra..." Essa fé excepcional maravilhou e alegrou o Senhor Jesus. Ele a coloca como um exemplo aos que O seguem. (E não é assim que ela nos envergonha também?).

Finalmente, é necessário que o Mestre atue também na família dos Seus. Ele cura a sogra de Seu discípulo Pedro.

O Senhor Jesus não Se ocupa com os enfermos da mesma maneira que um médico, que examina o paciente, faz um diagnóstico, passa uma receita e vai embora. Ele não Se satisfez em curá-los apenas. Ele mesmo "tomou sobre si as nossas enfermidades, e as nossas dores" voltando-Se para a fonte delas: o pecado. Sentiu todo o seu peso, toda a sua amargura, chorou diante da tumba de Lázaro (João 11:35). Tal empatia é muito mais preciosa que a cura em si mesma, conforme atesta a experiência de muitos cristãos enfermos.

Compartilhe: 
Boa Semente 2020

 

Contribua com este ministério

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Saiba como contribuir
Fale ConoscoQuem SomosTermos de usoPrivacidade e Segurança