Bíblia Online

Buscar

Escolher livro

Usando recursos avançados

Para fazer buscas mais específicas na Bíblia, basta usar esses recursos especiais:

Referências

Digite as referências na forma usual, com os nomes dos livros seguidos pelos trechos desejados. Você pode escrever mais de uma referência, separando-as por ponto e vírgula:

Mt 1.18-25; Lc 1.26-35; 2.4,6-7

Encontrar todas as palavras

Digite as palavras desejadas separadas por espaço.

Davi Saul (encontra todos os versículos em que ambos Davi e Saul são mencionados)

Todas as palavras estarão nos resultados, não importando a ordem em que aparecem no texto.

Encontrar o texto exato

Digite o texto desejado entre aspas.

"Saul disse a Davi" (encontra os versículos com esse texto exato)

Com quaisquer das palavras

Use o símbolo ~ (til) antes das palavras opcionais.

~Jesus ~Cristo (encontra versículos com a palavra Jesus, ou a palavra Cristo, ou ambas)

Útil para encontrar textos com palavras relacionadas ou sinônimos.

Sem as palavras

Use o símbolo - (menos) antes das palavras que não devem ocorrer.

Jesus -Cristo (encontra versículos com a palavra Jesus, mas sem a palavra Cristo)

Útil para restringir sua busca.

Palavras começando com...

Use o símbolo * (asterisco) para especificar apenas a parte inicial de uma palavra, permitindo variações para seu final.

misericord* (encontra versículos contendo misericórdia, misericordioso, misericordiosa, misericordiosos etc.)

Almeida Corrigida e Revisada Fiel

Josué 2

1  E JOSUÉ, filho de Num, enviou secretamente, de Sitim, dois homens a espiar, dizendo: Ide reconhecer a terra e a Jericó. Foram, pois, e entraram na casa de uma mulher prostituta, cujo nome era Raabe, e dormiram ali.

2  Então deu-se notícia ao rei de Jericó, dizendo: Eis que esta noite vieram aqui uns homens dos filhos de Israel, para espiar a terra.

3  Por isso mandou o rei de Jericó dizer a Raabe: Tira fora os homens que vieram a ti e entraram na tua casa, porque vieram espiar toda a terra.

4  Porém aquela mulher tomou os dois homens, e os escondeu, e disse: É verdade que vieram homens a mim, porém eu não sabia de onde eram.

5  E aconteceu que, havendo-se de fechar a porta, sendo já escuro, aqueles homens saíram; não sei para onde aqueles homens se foram; ide após eles depressa, porque os alcançareis.

6  Porém ela os tinha feito subir ao eirado, e os tinha escondido entre as canas do linho, que pusera em ordem sobre o eirado.

7  E foram-se aqueles homens após eles pelo caminho do Jordão, até aos vaus; e, havendo eles saído, fechou-se a porta.

8  E, antes que eles dormissem, ela subiu a eles no eirado;

9  E disse aos homens: Bem sei que o Senhor vos deu esta terra e que o pavor de vós caiu sobre nós, e que todos os moradores da terra estão desfalecidos diante de vós.

10  Porque temos ouvido que o Senhor secou as águas do Mar Vermelho diante de vós, quando saíeis do Egito, e o que fizestes aos dois reis dos amorreus, a Siom e a Ogue, que estavam além do Jordão, os quais destruístes.

11  O que ouvindo, desfaleceu o nosso coração, e em ninguém mais há ânimo algum, por causa da vossa presença; porque o Senhor vosso Deus é Deus em cima nos céus e em baixo na terra.

12  Agora, pois, jurai-me, vos peço, pelo Senhor, que, como usei de misericórdia convosco, vós também usareis de misericórdia para com a casa de meu pai, e dai-me um sinal seguro,

13  De que conservareis com a vida a meu pai e a minha mãe, como também a meus irmãos e a minhas irmãs, com tudo o que têm e de que livrareis as nossas vidas da morte.

14  Então aqueles homens responderam-lhe: A nossa vida responderá pela vossa até à morte, se não denunciardes este nosso negócio, e será, pois, que, dando-nos o Senhor esta terra, usaremos contigo de misericórdia e de fidelidade.

15  Ela então os fez descer por uma corda pela janela, porquanto a sua casa estava sobre o muro da cidade, e ela morava sobre o muro.

16  E disse-lhes: Ide-vos ao monte, para que, porventura, não vos encontrem os perseguidores, e escondei-vos lá três dias, até que voltem os perseguidores, e depois ide pelo vosso caminho.

17  E, disseram-lhe aqueles homens: Desobrigados seremos deste juramento que nos fizeste jurar.

18  Eis que, quando nós entrarmos na terra, atarás este cordão de fio de escarlata à janela por onde nos fizeste descer; e recolherás em casa contigo a teu pai, e a tua mãe, e a teus irmãos e a toda a família de teu pai.

19  Será, pois, que qualquer que sair fora da porta da tua casa o seu sangue será sobre a sua cabeça, e nós seremos inocentes; mas qualquer que estiver contigo, em casa, o seu sangue seja sobre a nossa cabeça, se alguém nele puser mão.

20  Porém, se tu denunciares este nosso negócio, seremos desobrigados do juramento que nos fizeste jurar.

21  E ela disse: Conforme as vossas palavras, assim seja. Então os despediu; e eles se foram; e ela atou o cordão de escarlata à janela.

22  Foram-se, pois, e chegaram ao monte, e ficaram ali três dias, até que voltaram os perseguidores, porque os perseguidores os buscaram por todo o caminho, porém não os acharam.

23  Assim aqueles dois homens voltaram, e desceram do monte, e passaram, e chegaram a Josué, filho de Num, e contaram-lhe tudo quanto lhes acontecera;

24  E disseram a Josué: Certamente o Senhor tem dado toda esta terra nas nossas mãos, pois até todos os moradores estão atemorizados diante de nós.

Texto da versão Almeida Corrigida e Revisada Fiel de propriedade da Sociedade Bíblica Trinitariana do Brasil.

 

Contribua com este ministério

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Saiba como contribuir
Fale ConoscoQuem SomosTermos de usoPrivacidade e Segurança