13 de Maio

"E pôs todas as cousas debaixo dos seus pés e, para ser o cabeça sobre todas as cousas, o deu à igreja, a qual é o seu corpo, a plenitude daquele que a tudo enche em todas as cousas." Efésios 1.22-23

Atentemos para a repetida expressão "todas", "sobre todas as cousas", "em todas". Aqui vemos que o triunfo de nosso Senhor foi representado por Sua ascensão ao céu. Realmente, a ascensão do Senhor foi o triunfo definitivo sobre todo o poder de Satanás. Olhemos para o profundo e glorioso significado deste acontecimento. Antes de qualquer outra coisa, a ascensão de Jesus significou o fim de Sua humilhação, pois por ocasião de Sua ascensão se cumpriram as palavras: "Pelo que também Deus o exaltou sobremaneira e lhe deu o nome que está acima de todo nome." Se um dia seremos coroados com glória, então é porque nos humilhamos como o Senhor Jesus Cristo, nos humilhamos com Ele, nos identificando plenamente com Sua maneira de ser. O glorioso significado da ascensão do Senhor Jesus nos é revelado na carta aos Efésios: "Aquele que desceu é também o mesmo que subiu acima de todos os céus, para encher todas as cousas." Isso significa que a ascensão do Senhor foi o cumprimento definitivo das profecias do Antigo Testamento que falam da Sua vinda. Da mesma maneira se cumprirá a profecia sobre Sua segunda vinda. Que promessa maravilhosa! Como poderíamos estar tristes, se a ascensão do Senhor nos garante Sua segunda vinda?

Extraído do livro "Pérolas Diárias" (de Wim Malgo)

Leia outras datas:   
Leia também:
Todo Dia Com as Escrituras

 

 

Chamada.com.br - CNPJ: 92.898.188/0001-55 - Endereço: Rua Erechim, 978 - Porto alegre, RS - 90830-000



Novidades

Acompanhe-nos no twitter

Informativo GRÁTIS

Assine nosso boletim informativo e fique sabendo das novidades em nossos sites.