PID: 745Foto:

Todo Dia Com Paz

Sexta-feira 24 Novembro

A serpente... disse à mulher: É assim que Deus disse...? Sereis como Deus... E, viu a mulher que aquela árvore era boa para se comer, e agradável aos olhos, e árvore desejável para dar entendimento; tomou do seu fruto, e comeu, e deu também a seu marido, e ele comeu com ela

(Gênesis 3:1,5,6).

A QUEDA

A decisão tomada aqui pelos primeiros seres humanos provou-se fatal. Eles ignoraram o claro mandamento de Deus, de não comer da "árvore do conhecimento do bem e do mal" (Gênesis 2:17), e ouviram a Satanás que os tentou à desobediência.

Vamos notar que Eva, certamente, não foi obrigada a comer da árvore. Foi uma decisão livre dela, surgida da "concupiscência dos olhos" (1 João 2:16) e da arrogância duma criatura desejando ser "como Deus". Tal comportamento traz à luz a característica típica do pecado:

1. Duvidar da verdade da Palavra de Deus.

2. Vontade própria e esforço para ser independente de Deus.

Durante toda a história humana essas características dos descendentes de Adão têm sido repetidas duma forma ou de outra. E o resultado é que o pecado nos faz "errar o alvo": Deus estabeleceu algo bem diferente para nós.

De nós, humanos, Deus espera confiança em Sua Palavra e obediência. Como nosso Criador Ele tem o direito a isso, e irá, em última instância, exigir essas coisas.

Apenas por meio da morte expiatória de Jesus pode a pessoa culpada se ver livre do justo julgamento de Deus e ser reconciliada com Ele.

Dispensações

 

Contribua com este ministério

Realizamos a obra com poucos recursos e precisamos do seu apoio para mantê-lo e expandi-lo. Ajude-nos a alcançar mais pessoas com a Palavra de Deus!

Saiba como contribuir
Fale ConoscoQuem SomosTermos de usoPrivacidade e Segurança